Justiça Eleitoral estreita laços com Facebook para Eleições 2018

,



O Facebook anunciou nesta quarta-feira (25) suas  principais iniciativas desenvolvidas especificamente para o Brasil, tendo em vista as eleições deste ano. A partir de 31 de julho, os anunciantes no Brasil poderão se registrar no Facebook para marcar seus anúncios como relacionados à política, incluindo propaganda eleitoral.

Trata-se de mais uma ação da maior rede social do mundo para se aproximar da Justiça Eleitoral brasileira, buscando mais transparência no jogo eleitoral, sobretudo quando começar a campanha, em 16 de agosto.

Os anunciantes precisarão passar por um processo de verificação — que inclui checagem de identidade e a confirmação de que estão localizados no Brasil. Já a partir de 16 de agosto, os anunciantes que passaram por esse processo de verificação poderão marcar seus anúncios no Brasil como de conteúdo político, inclusive como propaganda eleitoral.

Também a partir dessa data estará disponível a Biblioteca de Anúncios, que hospedará por 7 anos os anúncios marcados pelo anunciante como relacionados à política, inclusive como propaganda eleitoral.Essa biblioteca também mostrará a imagem e o texto desses anúncios, além de informações adicionais, como o valor aproximado gasto e as informações sobre o público demográfico impactado por cada anúncio.

O Brasil é o segundo país do mundo onde o Facebook está lançando marcações que informam às pessoas quem pagou pelos anúncios relacionados à política, além da ferramenta Biblioteca de Anúncios.    Essas iniciativas, segundo a empresa, vêm se somar a outros esforços, como a ferramenta de transparência “Informações e Anúncios”, e representam mais um passo importante para estimular as pessoas a agirem com mais responsabilidade no Facebook.

0 comentários:

Postar um comentário