João Campos considera natural aliança de PSB x PT

,
Do Blog de Jamildo
João Campos, pré-candidato a deputado federal pelo PSB e filho do ex-governador Eduardo Campos, afirmou que considera “natural” a possível retomada da aliança entre socialistas e o PT em Pernambuco. “Em momento de acirramento tão grande e que só tem feito mal à vida das pessoas, é importante que se deixe divergências de lado e se busque convergências em torno de objetivos que possam melhorar a vida das pessoas. Essa discussão em torno de uma possível aliança entre PSB e PT tem a ver com isso”, disse em entrevista ao cientista político Antonio Lavareda, durante o programa 20 Minutos, da TV
PT e PSB romperam no Recife em 2012, quando Eduardo Campos decidiu lançar a candidatura do prefeito Geraldo Julio. No ano seguinte, a aliança nacional também foi interrompida, para viabilizar o nome do ex-governador para a disputa à presidência. “São partidos de esquerda, que prezam por aqueles que mais precisam do apoio do Estado e que precisam trabalhar, sim, de forma conjunta para garantir uma entrega melhor para o Brasil”, defendeu.

Para a campanha presidencial, o PSB tem discutido com o Ciro Gomes (PDT), depois que o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa desistiu de se candidatar a presidente. “Estamos conversando com PDT, PT, PCdoB, com partidos que têm história de contribuição para o país e que, se unidos, vão consolidar uma força importante para as eleições a presidente este ano”, confirmou. João Campos ainda criticou o presidente Michel Temer (MDB).

“Como a gente tem visto hoje o Brasil sendo governado por um presidente que não tem nenhuma sensibilidade social, nenhuma sensibilidade com o Nordeste,que toca a construção do país deixando muita gente à margem das entregas que tanto precisam ser feitas à população, é natural as forças que são contra o governo Temer se juntarem para construir um projeto”, reclamou.

0 comentários:

Postar um comentário