Nem o mais ortodoxo dos petistas está tão envolvido na defesa do Partido dos Trabalhadores (PT) e do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, acusado de corrupção, como o prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque.
Mesmo sendo um ‘neopetista’, Duque não perde a oportunidade em defender a linha petista de governar.
Nessa terça-feira (23), vestindo camisa vermelha, o prefeito participou de um ato em defesa de Lula na Praça Sérgio Magalhães, e num discurso inflamado, falou sobre o julgamento do ex-presidente, que acontece nesta quarta-feira, e pregou a derrota das ‘forças do atraso’.
“Mas, teremos o julgamento de Lula e podem ter certeza absoluta, que Lula condenado ou não, não irão condenar o sonho do povo brasileiro que lutou e vai continuar lutando para que o Partido dos Trabalhadores (PT) e o povo brasileiro coloquem Lula na Presidência da República”, disparou o prefeito, sendo aplaudido por militantes do MST e da Fetape.
No final, além de fazer uma pré-campanha para a vereadora Marília Arraes, pré-candidata a governadora de Pernambuco, o petista provocou: “Nós temos um instrumento livre e legítimo que iremos usar agora em outubro e vamos derrotar as forças do atraso. Esses que não representam os interesses do povo brasileiro”, reforçou. Do Farol de noticias