Justiça Eleitoral realiza palestra com os representantes dos agricultores de Belmonte

,
 

Na última sexta-feira, 26 de agosto de 2017, em parceria com o sindicato de trabalhadores rurais, através da Sra. presidente Josivânia Ribeiro, a Justiça Eleitoral realizou palestra com os representantes dos agricultores de São José do Belmonte sobre a importância do Recadastramento Biométrico.

 

Na ocasião, participaram da palestra mais de 30 representantes das associações de localidades diversas da zona rural, comprometendo-se a repassar as informações para toda a comunidade e orientar todos a comparecerem ao cartório eleitoral para fazerem a biometria.


Na oportunidade, o Técnico Judiciário Francisco José de Barros ressaltou a importância do recadastramento e alertou toda a comunidade acerca das consequências da não realização do mesmo. Citou, entre outras, as seguintes consequências:

Terá o Título Eleitoral cancelado;

• Não poderá votar e nem se candidatar a cargo eletivo;

• Terá o CPF suspenso;

• Terá a aposentadoria suspensa;

• Não poderá dar entrada na aposentadoria, pois não terá a certidão de quitação eleitoral;

• Perderá os benefícios do Governo (Tais como Bolsa-Família, Seguro Safra, etc. );

• Não abrirá contas e nem obterá empréstimos em bancos públicos ou privados, caixas econômicas federais ou estaduais, nos institutos e caixas de previdência social, bem como em qualquer estabelecimento de
crédito mantido pelo governo;

• Não receberá vencimentos, remuneração, salário ou proventos de função ou emprego público, autárquico ou paraestatal, bem como fundações governamentais, empresas, institutos e sociedades de qualquer natureza;

• Não poderá se inscrever em concurso ou prova para cargo ou função pública, investir-se ou empossar-se neles;

• Não renovará matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo;

• Não obterá passaporte ou carteira de identidade;

• Não participará de concorrência pública ou administrativa da União, dos estados, dos territórios, do Distrito Federal ou dos municípios, ou das respectivas autarquias;

• Não praticará qualquer ato para o qual se exija quitação do serviço militar ou imposto de renda;

• Não obterá certidão de quitação eleitoral, conforme disciplina a Res.-TSE nº 21.823/2004;

• Não obterá qualquer documento nas repartições diplomáticas a que estiver subordinado. 

A biometria está acontecendo na sede da Justiça Eleitoral, na Rua São José, próximo ao Banco do Brasil, de segunda a sexta, das 08h00 às 15h00, e o eleitor deve apresentar os originais de RG, CPF, Título de Eleitor e comprovante de residência. Não é preciso cópia de nenhum dos documentos citados.

0 comentários:

Postar um comentário