Prefeitura de São José do Belmonte inicia perfuração de poços artesianos na zona rural

,
 

A Prefeitura de São José do Belmonte está realizando a obra de perfuração de um poço artesiano, na comunidade das Baixas. O novo sistema de captação de água beneficiará as famílias residentes naquela comunidade e da região do Tamboril, Jerusalém e Serrote. 

A perfuratriz que está trabalhando no local é do tipo bate estaca e pertence à Prefeitura. “Este equipamento estava parado e com defeito, então, resolvemos recuperar toda a sua estrutura e colocá-la para funcionar no intuito de atender a demanda da falta d’água na zona rural”, disse o prefeito Romonílson Mariano.

“Governar é poder fazer o sonho das pessoas se tornarem realidade, é pra isso que serve o gestor público e não para ficar fazendo política. Então, hoje é um dia muito feliz pra mim, poder tá fazendo as famílias destas comunidades sorrirem com a chegada desta água nos próximos dias”, finalizou. Da assessoria

Um comentário:

  1. Esse equipamento sempre esteve trabalhando, é mentira quando foi dito que o mesmo estava quebrado! De fato, reparos são sempre necessários, porém não era nada que inviabilizava o trabalho da referida máquina.
    Outra coisa, se este governo quer realmente ser diferente é bom acabar com as práticas antigas de beneficiar particulares, em detrimento do benefício da comunidade.
    Por exemplo, estes poços estão sendo perfurados em propriedades privadas, sem qualquer garantia legal de que sua água será utilizada em benefício de uma comunidade de pessoas. Da mesma forma, é o que esta acontecendo com a construção de barragens/açudes/barreiros através da máquina do tipo escavadeira que atuou nos sítios. Tais reservatórios estão sendo construidos em propriedades privadas, sem que o dono do terreno tenha assinado qualquer termo de servidão pública.
    Se o povo queria mudança, então que os eleitos assim o façam e deixem de praticar a velha política. Que se pense e se faça pela coletividade e não para benefício de uns poucos que votaram no grupo que esta no poder.

    ResponderExcluir