Alunos estão vendendo rifas para ajudar escola publica a comprar ventiladores em São José do Belmonte

,
Alunos da Escola municipal Manoel Nunes Magalhães na Vila cohab, em São José do Belmonte, estão vendendo rifas para ajudar a comprar ventiladores. A denúncia foi feita por uma das mães de aluno. A diretora disse que a escola não recebeu as verbas do Governo federal desde julho de 2015. Veja a reportagem.
"Eles entregaram a rifa para a gente poder arrecadar dinheiro. Não obrigaram a vender, mas disseram que era para ajudar a escola, afirma uma aluna. Algumas escolas do estado estão fazendo rifa para pagar xerox, comprar material de limpeza e até papel higiênico", contou um popular, que não ver nada demais na atitude da diretora.

A mãe do aluno está inconformada por pagar esse tipo de serviço em uma escola pública. "Não só eu como vários pais estão revoltados. A gente paga imposto e não sabe para onde vai. Ver o meu filho tendo que vender rifa para dar manutenção em escola no lugar do governo é revoltante", diz a dona de casa que não quis se revelar.

Na manhã desta ultima quarta-feira (28), entramos em contato com a diretora Patricia Novaes, que justificou que vendo a situação da forte temperatura do clima, tendo caso de ver até alunos saindo com o nariz sagrando por conta do tempo quente, reuniu toda equipe e pais de alunos a promover uma rifa de um violão, a fim de solucionar o problema, por conta que a verba de manutenção da escola que é recebido uma vez por ano, está em atraso desde julho de 2015, justifica a diretora.


Justifico aqui, que esta matéria foi feita por conta que fomos procurado e para não deixar nenhuma das partes prejudicada procuramos divulgar o assunto para o bem de todos. 
No papel abaixo a direção não identificou o nome da escola, deixando as crianças sem nenhuma segurança do responsável pela a ideia, sendo isso uma das causas que mais chateou os país.


3 comentários:

  1. Este anônimo é mais um idiota tal qual a denunciante, que em tudo o que acontece na nossa cidade tem que envolver a danada da política. Acredito que não houve nenhuma denúncia.

    Primeiramente não vejo nenhum erro da direção da escola em fazer rifas de um prêmio para angariar recursos para comprar ventiladores, pois não estão obrigando nenhum aluno a vender nem tampouco obrigando nenhum pai a comprar.

    Estudei na Escola Municipal Manoel Nunes Magalhães até a 4ª série, tenho 2 filhos e 4 sobrinhos estudando nela, a mesma possui uma equipe bastante competente, responsável e compromissada com a educação das crianças.

    No entanto, sou a favor de que haja essa mobilização para a compra de ventiladores, pois o calor está insuportável e para as crianças principalmente e sabemos a situação que o Brasil, o estado de Pernambuco e nossa cidade principalmente está passando em relação a crise.

    Duvido que a anônima denunciante ou que o anônimo politiqueiro tenha filhos nesta escola.

    Isso é matéria de quem não tem o que fazer, porque não colocam matérias das inúmeras obras realizadas pelo prefeito sendo algumas delas com recurso próprio?

    Outra coisa, nenhum aluno está deixando de estudar para vender as rifas, os que pegaram sem nenhuma imposição vendem aos seus parentes e vizinhos e se caso não venderem a devolução é aceita.

    No mundo em que estamos ninguém é obrigado a nada e muito menos a ficar vendo matérias interesseiras em um blog que deveria estar postando coisas importantes, como fazendo a divulgação em outro sentido para que as vendas destas rifas fossem feitas com sucesso e que a meta fosse atingida.

    O blogueiro ao invés de ficar tentando colocar as pessoas contra a gestão com estas matérias sem fundamento, deveria fazer uma caridade para a escola e para as crianças de doar um ventilador, pois caridade nunca é demais para quem realmente entende o que é.

    Rogério fez inúmeras obras, Marcelo fez e fará inúmeras outras e muitas delas com recurso próprio, e esta escola é uma prova disso.

    O povo não é besta e não vai ficar se iludindo com comentários sem fundamento, pois acreditamos no que temos e vemos e tanto Rogério quanto Marcelo nos deram o prestígio e privilégio de termos e vermos várias obras serem feitas, coisa que em gestões passadas nada tínhamos e muito menos víamos.

    Deixo aqui minha indignação da matéria publicada e estou à disposição da escola para ajudar nas vendas das rifas e se caso no final o dinheiro arrecadado não for suficiente para comprar todos os ventiladores darei a minha contribuição para que nossa meta seja alcançada.

    Parabéns a equipe da Escola Municipal Manoel Nunes Magalhães pelo amor que tem pela educação das nossas crianças.
    Atenciosamente: Juciêr José Loriano da Silva

    ResponderExcluir
  2. Caros amigos, sabemos que o país está vivendo em meio a uma "crise" e que existe um "N" de protocolos que circundam nossa administração. Acredito que a situação em que a escola se encontra não é desconhecida pela secretaria de educação. Se a gestora da escola não tem o retorno de onde devia ter, o que ela pode fazer? Tirar dinheiro do próprio salário para fazer manutenção da entidade? Será que a gestão municipal não dispõem de recursos para tal fim? Cabe aos pais destes alunos buscar o direitos de seus filhos.
    Cobrem da Secretaria de Educação Municipal respostas e providencias. Já está na hora desta secretaria começar a participar mais da atual gestão. Aliás o prefeito Marcelo Pereira deveria também observar que esta secretaria é falha a muito tempo. Bom exemplo disso é a situação em que vivem os belmontenses que dependem da "CASA DO ESTUDANTE DE BELMONTE em Recife", na verdade deveria se chamar "ABRIGO DO ESTUDANTE DE BELMONTE em Recife" já que a única assistência que a prefeitura presta a essa casa é pagar o aluguel e não se envolve em mais nada que diga respeito a casa e aos estudantes que habitam ela. Triste saber do descaso e da educação municipal maquiada que temos.
    Uma vez que o órgão responsável,que é a secretaria de educação, não prestar a devida assistência, os pais e populares devem buscar soluções com órgãos de poder maior, avaliando sempre os dois lados da moeda.

    ResponderExcluir
  3. Dona Aliete, convoque uma reunião de emergência com o Conselho Municipal de Educação para resolver isso.

    ResponderExcluir