São José do Belmonte: Abastecimento indiscriminado de carros pipa preocupa população

,
Zezinho de Sata
sec de agricultura
A retirada diária de água do subsolo do Município de São José do Belmonte, por parte dos pipeiros que abastecem a zona rural da cidade de Serra Talhada e outros Municípios circunvizinhos, está preocupando a população belmontense.A situação vem se desenhando desde o mês de abril do corrente ano, quando a Vigilância Sanitária serratalhadense proibiu o abastecimento de carros pipa na barragem de Serrinha, naquele município, após a realização de testes que comprovaram a existência de grande quantidade de coliformes fecais e outras bactérias nocivas à saúde humana, inclusive de natureza cancerígena.Apesar do Município de Serra Talhada ser um dos contemplados com o abastecimento da Adutora do Pajeú, sistema inaugurado pela Presidenta Dilma em 14 de abril de 2014, cerca de oitenta (80) carros pipa são abastecidos diariamente em um poço artesiano localizado no Sítio Jurema, bem como de vários outros pontos da zona rural de São José do Belmonte.A retirada da água do subsolo de São José do Belmonte ultrapassa a margem de 16.800.000 litros mensais. São abastecidos cerca de 80 carros pipa com capacidade mínima de 7.000 litros, totalizam uma quantidade de 560.000 litros de água/dia retirados do subsolo belmontense.Agora a pergunta que atormenta a população: SERÁ QUE ESSA EXPLORAÇÃO DISCRITERIOSA DA ÁGUA DO SUBSOLO IRÁ COMPROMETER O ABASTECIMENTO FUTURO DA CIDADE, JÁ QUE TODA ÁGUA DA COMPESA TAMBÉM É RETIRADA DE POÇOS ARTESIANOS? Tal dúvida somente poderá ser sanada pelas autoridades municipais competentes, após análise da situação e da capacidade de abastecimento do Município, bem como a eventual proibição desses abastecimentos.

3 comentários:

  1. Zezinho de SATA ele não estar nem ai para o povo de Belmonte ele esta se preocupando com o que é dele, tá nem ai, ainda tem gente que vota em um candidato desse

    ResponderExcluir
  2. SOMOS SABEDORES QUE A SITUAÇÃO COM RELAÇÃO A ÁGUA POTÁVEL PARA CONSUMO HUMANO EM ALGUMAS CIDADES DO SERTÃO PERNAMBUCANO, É DE FATO MUITO PREOCUPANTE, PORÉM QUEM NOS AFIRMA QUE TEMOS CONDIÇÕES DE ABASTECER ESTAS CIDADES POR TEMPO INDETERMINADO SEM QUE NUM FUTURO BEM PRÓXIMO VENHAMOS TAMBÉM A ENTRAR EM COLAPSO.É DEVER DE TODOS AJUDARMOS NOSSOS IRMÃOS VIZINHOS, PORÉM APOIO TODA E QUALQUER INICIATIVA QUE DE FORMA RACIONAL VENHA A TRAZER ALTERNATIVAS SEM OFERECER RISCO DE CAOS AOS NOSSOS MUNÍCIPES.

    ResponderExcluir
  3. PUBLIQUE COMO FOSSE UMA REPORTAGEM NAO BOTE NO COMENTÁRIOS

    O QUE SERÁ DO FUTURO?

    È lamentável o que vem acontecendo no nosso município, cadê as autoridades locais que estão vendo e fazendo vista grossa, ou dando de desentendido no assunto, principalmente a SECRETARIA DE AGRICULTORA E MEIO AMBIENTE LOCAL, A COMPENSA, OS POLITICOS EM GERAL, que são alguns dos responsáveis por nos defender, minha gente Belmonte não é o RIO SÃO FRANCISCO, nem tampouco o RIO PAJÉU, que não está essas coisas lá, para ficar abastecendo como adutora os outros municípios ao redor, e nós quem vai abastecer? quando essa fonte secar, que RIO PASSA POR AQUI?, QUAL ADUTORA?, esses municípios tem adutora passando nos seus limítrofes. Pra quem não sabe nosso lençol freático é abastecido com as chuvas que caem aqui na nossa região, que há anos vem variando de quantidade. O Problema tem que ser resolvido por cada representante desses municípios envolvidos no abastecimento, que eles procurem o Ministério da Integração, a Compesa, CPRH, e os outros órgãos pra resolveram suas situações, não colocar o município de Belmonte como mãe DA ÁGUA dos problemas deles. Se for pra ajudar o próximo que ajudamos, mas que não falte na nossa mesa, pois estamos descobrindo um SANTO para cobrir vários outros. Lembro bem que quando o saudoso CACAU DO BANCO estava entre nós, e na vereança, ele tentou colocar Belmonte, entre as cidades para serem agraciadas com uma adutora do RIO SÃO FRANCISCO, e o resultado foi que todas essas cidades beneficiadas votaram contra a entrada de BELMONTE no programa, dizendo que nossa cidade já tinha sua ÁGUA e que não precisávamos de adutora nenhuma, e que nós nos virássemos com o que tínhamos de melhor, posso citar até algumas: Mirandiba, Serra Talhada, Salgueiro, Verdejante, Santa Cruz da Baixa Verde, e as demais vizinhas, então que elas agora se virem com suas adutoras e com os seus governantes. Até agora os blogs locais divulgam essa situação mais ninguém se pronuncia dos órgãos responsáveis, to no aguardo que alguém se pronuncie.



    EJG

    Cidadão Belmontense


    ResponderExcluir